06
julho
2015
Três filmes que eu amo!

Olá bonitas e bonitos!

No post de hoje, eu trago para vocês três sugestões de filmes que para mim, se eternizaram.

São três filmes que sempre que estão passando em algum canal, eu paro para assistir. Sempre mesmooo! Eu amo assistir filmes, então ver o mesmo filme várias vezes, não é nenhum sacrifício. Às vezes é até bom, porque com o passar dos anos, a gente vai amadurecendo e interpretando as coisas de maneira diferente. Cada vez que eu vejo um filme novamente, tenho uma nova visão dele.

Então chega de falatório e vamos às indicações. And the Oscar goes to…


Cidade dos Anjos

Oh my God! O que dizer deste filme? Gente, até hoje eu choro com ele. É um dos filmes românticos mais lindos que já vi na vida! Se você ainda não assistiu, vale muito a pena você ver. E prepare os lenços de papel, porque você vai chorar.

Sinopse:

Ano: 1997

Diretor: Brad Silberling

Elenco: Nicolas Cage, Meg Ryan

Gênero: Fantasia, romance

Nacionalidade: EUA

Em Los Angeles, uma dedicada cirurgiã (Meg Ryan) fica arrasada quando perde um paciente durante uma operação, no mesmo instante em que um anjo (Nicolas Cage), que estava na sala de cirurgia, começa a se sentir atraído por ela. Em pouco tempo ele fica apaixonado pela médica e resolve ficar visível para ela, a fim de poder encontrá-la frequentemente, o que acaba provocando entre os dois uma atração cada vez maior, apesar dela ter um sério relacionamento com um colega de profissão. O ser celestial não pode sentir calor, nem o vento no rosto, o gosto de uma fruta ou o toque da sua amada, assim ele cogita em deixar de ser um imortal para poder amar e ser amado intensamente.


À Espera de um Milagre

Ai, gente… Outro filme que me faz me debulhar em lágrimas. Não é romance. Mas é lindo demais. É uma lição de vida e de aceitação das coisas que nos são impostas, sem muitas vezes entendermos o porquê. Eu amo o Tom Hanks, então sou meio suspeita né, mas essa história é incrível e fascinante.

Sinopse:

Ano: 1999

Diretor: Frank Darabont

Elenco: Tom Hanks, Michael Clarke Duncan, David Morse

Gênero: Fantasia, policial

Nacionalidade: EUA

1935, no corredor da morte de uma prisão sulista. Paul Edgecomb (Tom Hanks) é o chefe de guarda da prisão, que temJohn Coffey (Michael Clarke Duncan) como um de seus prisioneiros. Aos poucos, desenvolve-se entre eles uma relação incomum, baseada na descoberta de que o prisioneiro possui um dom mágico que é, ao mesmo tempo, misterioso e milagroso.


Curtindo a Vida Adoidado

Genteee… Pára tudooo! O que é a Sessão da Tarde da Rede Globo sem esse filme? NADA!!!

Esse filme se tornou um clássico da sua geração. Todo mundo queria ser o Ferris! O cara super popular que consegue se safar de tudo. É muito legal esse filme. As novas gerações precisam assistir esse filme e descobrir o que é ser vida louca de verdade, hehehe… Sério. Ele marcou uma geração inteira e não foi à toa. Então assista.

Sinopse:

Ano: 1986

Diretor: John Hughes

Elenco: Mathew Broderick, Alan Ruck, Mia Sara, Jennifer Grey

Gênero: comédia dramática

Nacionalidade: EUA

No último semestre do curso do colégio, Ferris Bueller (Matthew Broderick) sente um incontrolável desejo de matar a aula e planeja um grande programa na cidade com sua namorada (Mia Sara), seu melhor amigo (Alan Ruck) e uma Ferrari. Só que para poder realizar seu desejo ele precisa escapar do diretor do colégio (Jeffrey Jones) e de sua irmã (Jennifer Grey).


Então é isso minha gente. Três filminhos pra você pegar sua pipoquinha e assistir. Em dois deles, é bom ter lenços de papel, mas no último, com certeza você dará boas risadas.

Se você gostou das dicas, não esqueça de deixar o seu “curti” aqui no blog e também deixe seu comentário, dizendo o que acho da seleção de filmes.

Ah, e não esqueça também de se inscrever aqui no blog através de  e-mail. Assim ,cada vez que eu fizer uma nova postagem, você fica por dentro de tudo em primeira mão.

Um beijo e até a próxima!

 

 





[pulaalegria] (óculos) (triste) (sorrisão verde) (seta) (piscada) (pensativo) (muito triste) (mega feliz) (malvado) (lingua) (interrogação) (idéia) (gargalhada) (feliz) (exclamação) (envergonhado) (doido) (confuso) (como assim) (chocado) (bravo)