09
dezembro
2014
Profissão: Advogado (a)!

Olá gente bonita!

Como prometido, todo mês teremos um post dedicado às profissões. É uma forma de ajudar àquelas pessoas que ainda não se decidiram por alguma profissão e estão à procura de algo que tenha um pouco da sua personalidade.
Eu sempre ouvia, quando era criança, que devia ter muito cuidado ao escolher uma profissão, já que esta seria para sempre. Hoje, eu descobri que não é exatamente assim que as coisas funcionam! Podemos sim, e às vezes até devemos, mudar de profissão quando acharmos necessário!
Nada na vida é para sempre! Assim sendo, vamos ao assunto que interessa. Hoje escolhi falar sobre a profissão dos meus pais. Sim, tenho pai e mãe advogados e sim, sofri pressão a vida inteira para ser advogada! Não, não é a profissão que exerço. Fui rebelde… Rsrsrsrs…
O primeiro requisito para quem tem a pretensão de ser advogado (a) é gostar muito de ler. Isso é fundamental. É uma área onde o estudo diário é necessário, pois a cada momento as coisas mudam, saem novas resoluções e novas jurisprudências ( de forma simples, são decisões a respeito de determinados assuntos) e o advogado precisa estar por dentro de todos esse acontecimentos e novidades.
É um campo de trabalho beeem extenso. Existem os concursos públicos para várias áreas como tribunais, promotorias e defensorias, bem como os concursos para juízes. Existem também os escritórios particulares que atuam nas diversas áreas do Direito. Algumas delas são: Direito Ambiental, Direito do Trabalho, Direito Penal, Direito do Consumidor… E por aí vai… Basta escolher durante a faculdade aquela área que mais te agrada.
A faculdade dura em média cinco anos. O curso de Direito é oferecido nas universidade públicas e particulares de todo o país.
Quem se forma em Direito sai com o diploma de Bacharel e para exercer a profissão é necessário possuir um registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Para obter esse registro, o bacharel faz uma prova bastante específica e classificada como bastante difícil também. Então é necessário muita dedicação.
Depois de aprovado nesta prova, o bacharel já está apto a exercer sua função de advogado, desde que pague a sua carteirinha… Sim, é necessário pagar para a obtenção deste registro. Não, não é barato! Mas enfim, né…
Então ficam aí algumas dicas para quem quer conhecer um pouco mais sobre esta profissão tão necessária! Afinal, precisamos de pessoas especializadas que entendam das leis para defender nossos direitos! É também uma forma de homenagear àqueles que lutaram sempre para que eu e minha irmã tivéssemos um futuro garantido!
Se ainda ficou com alguma dúvida ou quer saber mais, deixe sua pergunta aqui nos comentários, tenho especialistas para lhe responder… Rsrsrsrs…
Um grande beijo e até a próxima!


07
novembro
2014
Profissão: Pedagoga!

Olá gatas e gatos!

O post de hoje é para falar de um assunto que muita gente ainda tem dúvidas de sobra… Que profissão escolher?
A partir de hoje, uma vez por mês vou escrever sobre alguma profissão, o que se estuda, como é o mercado de trabalho, que faculdades oferecem o curso e por aí afora.
Escolhi começar essa série de posts com a minha profissão, já que tenho maior domínio e vivência para contar para vocês! 
Eu sou pedagoga! Isso mesmo, pedagoga! E muita gente se pergunta o que é isso, para que serve e coisas do gênero. Então vamos lá!

O que é Pedagogia?

Pedagogia é a ciência da Educação. Estudamos teorias educacionais formuladas por grandes estudiosos do assunto. Também estudamos teorias comportamentais, teorias de aprendizagem e muito mais. Temos disciplinas como História da Educação, Psicologia da Educação, Sociologia da Educação, Didática, Organização da Educação no Brasil, estudamos a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional que é a responsável por organizar as leis educacionais do país. Ainda temos uma infinidade de matérias culturais, por que afinal de contas, cultura é importante né gente!
Para fazer uma faculdade de Pedagogia, é fundamental gostar de ler! lemos muuuitooo!!! 

Onde estudar?

Praticamente todas as universidades públicas e particulares do Brasil oferecem este curso e a procura têm sido grande.

Mercado de trabalho:

Então… O mercado de trabalho para o pedagogo é uma área bem vasta. Podemos atuar como coordenadores pedagógicos em escolas, que é a pessoa responsável por organizar toda a área educacional de uma escola. É o responsável pela conexão escola-professores-comunidade. É a pessoa que lida com os alunos, pais e professores e que também organiza as atividades a serem desenvolvidas na escola.
O pedagogo pode atuar também como inspetor/supervisor escolar. Essa é a pessoas responsável por fiscalizar as unidades escolares e verificar se a documentação está toda correta. É o elo entre a escola e o governo.
Pode atuar também como administrador escolar. É o responsável por toda a parte administrativa da escola. Lida com documentos de alunos, professores, funcionários e é o responsável por manter a ordem administrativa da unidade escolar.
Existe ainda a possibilidade de se trabalhar em empresas, desenvolvendo projetos educacionais para os funcionários. Hoje, muitas empresas investem na melhoria da formação de seus funcionários e o pedagogo atua nessa área. 
Outra possibilidade é a atuação em sala de aula, como professor de educação infantil ou ensino fundamental até o quinto ano. Isso é o que eu faço. Eu atuo como professora de ensino fundamental no município do Rio de Janeiro e também como professora do Curso de Formação de Professores no Estado do Rio de Janeiro.
Imagem ilustrativa retirada do Google.
Para esses cargos que exerço foi necessário passar em uma prova no concurso público, o que não é fácil.
Para trabalhar como professora e como pedagoga é necessário muito estudo. Nunca paro de estudar. Estou sempre lendo coisas novas, para aprimorar meus conhecimentos e poder ensinar ao meus alunos da melhor maneira possível.
Então é isso, gente! Espero que tenham gostado e se ainda tiverem alguma dúvida sobre esta profissão, sintam-se à vontade para perguntar!
Beijos e até a próxima!