21
junho
2017
Caldo Verde – Cozinha da Carioca

Relou Pipou! Tudo bem com vocês?

Caldo Verde é uma referência em matéria de comida de festa junina, não é mesmo?

Então nosso assunto de hoje é uma receitinha de Caldo Verde! Gente, é muito fácil fazer essa receita, mas muita gente não sabe disso e acha que é muito difícil.

No inverno, é uma delícia tomar um caldinho ou sopinha bem quente, aquece a alma, o coração e o corpo!

Caldo Verde

Caldo Verde

Eu amo Caldo Verde, é uma das sopas, ou caldos, que eu mais gosto de fazer e de comer.

O Caldo Verde tem tudo o que eu amo: batata, calabresa, bacon e couve. Gente, essa é a mistura perfeita!

Os ingredientes são muito fáceis de se preparar.

INGREDIENTES:

  • batatas
  • bacon
  • linguiça calabresa
  • couve
  • alho
  • cebola
  • sal e pimenta a gosto

MODO DE PREPARO:

  • cozinhar as batatas;
  • refogar o bacon;
  • depois que o bacon estiver dourado, acrescentar a linguiça calabresa;
  • após a calabresa dourar, juntar a cebola picadinha;
  • quando a cebola estiver refogada, acrescentar o alho.
  • depois que as batatas estiverem bem cozidas, bater no liquidificador junto com a água do cozimento
  • em uma panela grande, juntar o creme de batatas, o refogado e a couve

Gente, mais fácil do que isso é impossível né. E olha que até quando dá errado, essa receita dá certo… kkkkkk…

Não há como ficar ruim algo que leve calabresa e bacon!

Quando eu faço aqui em casa, a panela dura só até o dia seguinte, porque eu como duas tigelinhas de sopa brincando.

E pra melhorar, ainda coloco no forno um pãozinho regado com azeite e faço umas torradinhas para acompanhar o Caldo Verde!

Veja mais uma receita clicando aqui.

Claro que eu fiz um vídeo mostrando o passo a passo dessa receita divina para vocês.

PLAY e vem conferir comigo:

E aí, gostaram da dica culinária de hoje?

Se você curtiu este post, não esqueça de clicar em “CURTIR E COMPARTILHAR”, aí você já marca aquela pessoa para fazer essa receita para você!

Um super beijo, fiquem com DEUS e até a próxima!

TCHAAAU!!!


28
maio
2017
Máscara de Abacate – SPA do Cabelo Yenzah

Relou Pipou! Tudo bem com vocês?

Quem aí tá precisando de uma NUTRIÇÃO INTENSA levanta a mão! Hehehe… No post de hoje, trago para vocês todas as informações sobre a Máscara de Abacate da linha SPA do Cabelo da Yenzah.

Essa máscara é de abacate e promete nutrir os fios, da raiz às pontas e de dentro para fora, fornecendo aos nossos fios todos os nutrientes necessários para torná-los mais resistentes aos danos externos e diários que sofremos.

Máscara de Abacate - SPA do Cabelo Yenzah

Máscara de Abacate – SPA do Cabelo Yenzah

A máscara de abacate faz parte de uma linha composta por quatro máscaras e eu já falei da máscara de ROSA MOSQUETA (saiba mais), e da máscara de HIBISCO (saiba mais). Cada uma tem uma função e elas servem perfeitamente para o nosso cronograma capilar.

Máscara de Abacate - SPA do Cabelo Yenzah

Máscara de Abacate – SPA do Cabelo Yenzah

Benefícios da Máscara de Abacate:

  • Hidratação profunda com alto poder nutritivo.
  • Combate os danos mais intensos, reduzindo o estresse capilar.
  • Cabelo com toque sedoso e brilho realçado.

De fato, essa máscara já faz efeito desde a primeira aplicação. A gente já sente logo de cara que o cabelo fica muito mais macio e sedoso. Meu cabelo ficou fantástico. Meus cachinhos ficaram bastante emolientes e macios mesmo.

Máscara de Abacate - SPA do Cabelo Yenzah

Máscara de Abacate – SPA do Cabelo Yenzah

Essa máscara tem o poder da “hidronutrição”, já que ela hidrata e nutre os fios ao mesmo tempo.

O cheiro dela é bastante agradável. Apesar de ser de abacate, ela não deixa cheiro de abacate nos fios. Fica um cheiro bem suave e gostoso, que se dissipa com muita facilidade. A consistência dela também é muito boa. Não é daquelas máscaras super concentradas, mas ela rende muito, porque basta pequenas quantidades para que ela atinja todos os fios do cabelo.

Máscara de Abacate - SPA do Cabelo Yenzah

Máscara de Abacate – SPA do Cabelo Yenzah

Eu realmente tô curtindo muito usar essa linha para cuidar das minhas madeixas. Eu sempre intercalo uma lavagem dos cabelos com um cuidado capilar. Mais ou menos assim: lavo uma vez apenas com xampu e condicionador e na próxima lavagem, aplico uma máscara de cuidados capilares. Assim, vou mantendo meu cabelo sempre cuidado. Cabelos cacheados requerem um pouco mais de cuidado do que os outros tipos de cabelo.

Eu gravei um vídeo onde dou mais detalhes dessa máscara e mostro a aplicação para vocês. Dá PLAY  e confere aqui comigo:

Eu espero muito que vocês tenham curtido a dica de cuidados de hoje.

Se você acabou de ler este post e gostou, não esqueça de clicar em “CURTIR E COMPARTILHAR”, assim a gente sai por aí distribuindo diquinhas bacanas “prazamiga” tudin, né non mores?

Um super beijo, fiquem com DEUS e até a próxima!

TCHAAAU!!!

07
maio
2017
Cozinha da Carioca – Arroz à Piamontese

Relou Pipou! Tudo bem com vocês?

Sabe aquele prato de Arroz à Piamontese que você só pede no restaurante porque acha que é muito difícil de fazer? Então, o post de hoje é para você!

Hoje eu trago uma receitinha muito rápida, fácil e gostosa desse arroz delicioso. Eu confesso que não sou muito fã de arroz. É um acompanhamento do qual não faço muita questão. Mas eu amo o arroz à piamontese. É a única maneira de me ver comendo um pratão de arroz… hehehe…

arroz a piamontese

arroz a piamontese

A receita é super prática de ser preparada.

INGREDIENTES

  • arroz
  • alho
  • óleo
  • creme de leite
  • champignon
  • muçarela
  • sal

MODO DE FAZER

  • colocar um pouquinho de óleo na panela e refogar o alho.
  • depois que o alho estiver bem douradinho, juntar o arroz e refogar.
  • acrescentar água até cobrir o arroz e sal a gosto.
  • quando o arroz já estiver cozido e quase seco, acrescentar o creme de leite, a muçarela, os champignons.
  • mexer bem até que a muçarela esteja toda derretida e bem incorporada.
  • acertar o sal.

Prontinho! Agora o seu arroz à piamontese está prontinho para ser degustado… ou no meu caso, devorado mesmo… Hehehe…

Esse arroz acompanha muito bem carnes e aves, principalmente se estes tiverem um molho ou caldo bem gostoso. Fica muito bem acompanhado também de batatas fritas.

Eu fiz como acompanhamento alcatra picadinha e ensopada com um caldo bem encorpado e batatas fritas. Ficou simplesmente uma delícia.

Quase sempre o arroz à piamontese é servido com medalhão de filé mignon com bacon ao molho madeira. Essa combinação é a mais perfeita de todas.

Claro que eu gravei um vídeo super explicadinho mostrando como fazer esse prato delicioso. É só dar PLAY e conferir a receita completa aqui:

E aí, gostou da dica culinária de hoje? Se você testar e aprovar esta receita, deixa seu comentário aqui embaixo para eu saber que deu certo para você também.

Quem gostou dessa super dica? Não esqueça de clicar em “CURTIR E COMPARTILHAR”, assim você me dá um super help na divulgação do meu trabalho e também ajuda azamiga tudin que tão querendo fazer uma comidinha super especial pro boy magya!

Um super beijo, fiquem com Deus e até a próxima!

TCHAAAU!!!